Seguidores

segunda-feira, 5 de setembro de 2016




Festivale 2016 uma catarse anárquica !

Não sei se é o melhor Festivale mas que é apaixonante é !
Pena que não fiz nenhuma oficina.
A proposito temos esta imersão no teatro com uma alta qualidade
cênica e reflexão. E durante o restante do ano ficamos a ver navios !
É preciso uma programação com esta qualidade no ano todo.
E já esta passando o tempo de uma Escola Livre de teatro e áudio visual
em São José dos Campos.
Precisa -se investir bem mais cadê os dois porcentos para a arte e cultura ?
E um debate sobre o retorno das comissões setoriais de arte e cultura ?
Temos de fato uma “ classe artística organizada “ ou o caos do individualismo
impera ? E nos achamos de esquerda ? Revolucionários só se for dentro de
nós. Pois o universo “ quadrado e cartesiano “ toma conta da cidade.
O Fórum: "Teatro e Democracia", com José Celso Martinez Côrrea e Luiz Fuganti
foi algo “ libertário “ bem longe do lugar comum de debates que sempre presenciei
os dois foram geniais. Ao saírem e nos tirarem da zona habitual de conforto.
Anarquia e liberdade nos tira de nossas mesmices. O diabo esta dentro de nós
assim como Deus.
Devemos sempre caminhar para além do bem e do mal.
Eu se fosse secretario de educação chamaria estas duas figuras humanas
para um debate com professores.
As artes precisam chegar a educação para liberta- la das burocracias do
estado.
Cabe a comunidade joseense se repensar e buscar inovações enquanto não
fazemos a violência toma conta da cidade.
E arte e educação são chaves para abrir caminhos novos e que gere uma
sociedade mais saudável.
Pois uma cidade que tem filas de carros nas ruas das periferias para
comprar drogas não é sadia. E quem afinal mantém o trafico ?
Precisamos de mudanças reais além das eleições.
Afinal que legado deixaremos para as gerações futuras ?

Joka

João Carlos Faria

Nenhum comentário: