Seguidores

domingo, 6 de março de 2016


Festival da Mantiqueira o fim ?

É um velório. Um grande evento que se vai ! Festival da Mantiqueira.
A arte e a cultura em São José vai muito bem. Mas perder um evento deste quilate não nos satisfaz. Espero que a comunidade tenha uma reação. Afinal algumas andorinhas podem ser abatidas já uma multidão.
A semana Cassiano Ricardo deve ser repensada e a comunidade que gosta de arte não tem uma reflexão e ação forte. O poder público deve estar ai para servir a comunidade e não ser mais forte que ela.
Mas esta reflexão deve cair no vazio. Não sabemos a arte de nos articular.
E governos passam e nos comunidade sempre a latir e de fato nunca somos ouvidos. Nossas
palavras não passam de latidos de cães vira-latas para o poder publico.
E houve um grande desrespeito por parte do governo do Estado de São Paulo em não fazer o debate com a comunidade através da FUNDAÇÃO CULTURAL CASSIANO RICARDO e a Academia Joseense de Letras única entidade organizada dos escritores da cidade.
Já não é tempo de uma organização de quem gosta de escrever nesta
São José dos Campos e da Letras ?
Entidades como O BOLA DE MEIA vem fazendo seus encontros mensais a anos na cidade.
Mas um evento de porte nacional que trouxe os escritores mais representativos da cena literária nacional é lamentável se perder.
Acredito que na cidade cabe uma politica de valorização das artes e a Secretaria de Educação
do Município deveria atuar em conjunto com a Fundação Cultural Cassiano Ricardo e desenhar
um projeto em conjunto e pensando com a comunidade que se interessa por literatura.
Que se abra o debate. São José das Letras foi uma ideia dada pela escritora Itamara Moura em um encontro no Bola de Meia.
No campo das letras São José tem uma historia de escritores. Se os escritores daqui tem ou
não um reconhecimento nacional não importa. A cidade respira arte e não ficou parada
em Cassiano Ricardo. Já tivemos inúmeros movimentos que não devem ser esquecidos. Como a Comissão de Literatura da Fundação Cultural Cassiano Ricardo e os escritores do Canto da Cultura historia que esta sendo trazida de volta por Elizabeth Souza editora do Entrementes.
Uma andorinha pode ser devorada por lobos. Mas uma multidão voa. A escrita nos liberta e
amplia as possibilidades de realizações concretas.
Estes oito anos de Festival da Mantiqueira nos deixa um enorme aprendizado e nos prepara
para grandes voos.
Espero que a Secretaria de Cultura do Estado abra um debate com a comunidade. Cabe a
ela enquanto gestora da cultura no Estado debater suas politicas culturais com a população
do estado. Decisões de gabinete já não são bem vindas nos dias de hoje.

Joka

João Carlos Faria


Nenhum comentário: