Seguidores

quinta-feira, 26 de novembro de 2015

A favor do ensino de qualidade seja ele publico ou privado


O desafio de uma educação de qualidade seja ela pública ou privada é enorme eu acabei de
me formar recentemente em Pedagogia e ainda não cheguei a sala de aula. Mas os estudos teóricos
são exaustivos e praz eros.
Afinal que educação queremos para todos ? E ao meu ver educação vai além da serialização e tudo o que conhecemos. A pergunta que muitos se fazem para que servem muitas das coisas que aprendemos dentro de salas de aulas ?
E no século vinte e um a escola ainda é dividida por sala de aula onde as crianças, adultos estão
presas em fileiras ?
Estamos tão acustamados a estas praticas e nem pensamos em algo diferente ?
E porque a escola aqui no Estado de São Paulo com seus muros enormes ?
A escola deve ser algo para todos assim como são os espaços de cultura , casas de culturas , pontos
de cultura.
A escola deve ser o encontro e o aprender a fazer politica. E ai sim estes alunos que ocupam muitas
das escolas de São Paulo estão corretos e la desenvolvem aulas de yôga, musicalização e tudo o mais que forma um ser humano. Não nego a importância da matemática e português. Mas sim a
maneira de como se ensina esta sim deve sempre ser repensada.
Porque temos que fragmentar tudo em nossa sociedade escolas, espaços culturais e esportivos o mestre Darcy Ribeiro criou os Cieps para que tudo se integre e Gabriel Chalita em quanto secretario
de educação do Estado de  São Paulo criou a Escola da Família.
O espaço das escolas devem ser abertos nos fins de semana para a comunidade. Fiz esta sugestão no
debate sobre a cultura para a Fundação Cultural Cassiano Ricardo de São José dos Campos .
E porque não se cria no Brasil o Sistema Único de Educação. O governo de Geraldo Alckmin conseguiu abrir o debate publico em nosso estado ao impor a população sua reorganização e
não debater alternativas com a comunidade de São Paulo.
Cabe ao governo aprender a negociar com a população. E enquanto isto nossos alunos fazem
uma saudável e segura ocupação do que nos pertence.
Ao contrario das tristes noticias que nos chegam sobre escolas onde alunos fazem o consumo
de drogas mas ninguém nunca denuncia.
Enfim que seja finalmente o inicio de um debate para transformar a educação publica no Estado
de São Paulo e com a participação de todos. Porque educação é um desafio para uma sociedade
e não só dos profissionais envolvidos.
Estamos ai a repensar e a construir novas ideias e ações para que se forme seres humanos em
sua plenitude e não meros trabalhadores mecanizados e consumista.
Educação , arte e cultura, esporte devem estar integrados parece que ainda não entendemos
os filósofos Gregos.

Joka

João Carlos Faria

Pedagogo pela Unicesumar.  
  
  

Nenhum comentário: