Seguidores

sexta-feira, 21 de agosto de 2015

http://vidanacidade.ovale.com.br/mais-nosso-ou-mais-meu/


MAIS NOSSO OU MAIS MEU?


Inspirador o artigo da colunista Federica Fochesato no O VALE desta ultima sexta- feira
coloca – nos várias questões e me traz ao debate da cidade. Enquanto estamos atentos a
politica nacional e lendo o editorial de O VALE de hoje que diz que Brasília vai ferver
mais ainda. Enquanto isto a economia da uma bela travada. Mas não é hora de repensar
os rumos da economia ? Nos últimos anos a industria automotiva ganhou um peso cada
vez maior o assim chamado motor da economia ?
O Brasil carece sim de lideranças como clamou recentemente o vice -presidente Michel Temer
e Frederica encerra seu artigo falando de uma provável chance do prefeito paulistano Fernando Haddad não se reeleger então se os paulistanos não o reelegerem abre-se o caminho Haddad
2018.
Haddad hoje representa um arejamento na politica antenado as idéias mais avançadas de
como se enxerga a sociedade foi Ministro da Educação de Lula.
Pena que o debate nacional entre esquerda e direita não se aproveita quase nada. Uma mera
disputa de poder que tira a chance do pais avançar no debate de idéias e ações.
Como desenvolver um pais com menos impacto ambiental ?
O PT criou um grande mercado interno no pais. E sempre foi ligado ao empresariado ele
fez uma transformação de mercado.
O Brasil possui inume-os desafios como a questão da insegurança enfrentada no Rio com
ousadia mas em São Paulo até boatos consegue parar uma cidade.
O Brasil tem rumo e tem jeito sim devemos acreditar mas precisamos renovar os quadros
na politica a direita e a esquerda.
E Haddad é um nome que desponta e Marina como fica com seu partido que ainda não
esta registrado por duas eleições em terceiro lugar.
Existe uma massa de eleitores que esta havida por mudanças mas não se sente convencida.
Que estranho estamos mesmo encurtando o mandato de Dilma mas é a politica e os fenômenos
das redes sociais.

Joka

João Carlos Faria




Nenhum comentário: