Seguidores

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

Jornada nas estrelas

Spok adentra ao portal
A estrela o leva além da escuridão

O silencio na tarde
O teletransporte leva Leonard Nimoy
Nunca mais canta o corvo nunca mais
E a vida segue em preto e branco
Um astro teletransportado

E nossas manhas e tardes de belas series de TV.
Que nos leva além de nossa imaginação
Numa jornada nas estrelas
Tudo se pode através da imaginação
E seguimos além da escuridão
Spok agora vê estrelas nascerem
E junto com Leonard Nimoy se funde numa
só pessoa
E o corvo canta nunca mais
nunca mais

Joka

João Carlos Faria

Livre menção ao poema O CORVO de


Edgar Alan Poe.

Nenhum comentário: