Seguidores

quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Sei que é meio fora de moda mas acabo de fazer um poema social.
Sei que poemas estão fora de moda. Mas a poesia nos atinge a alma.
O poema sairá do forno do www.entrementes.com.br.
E a vida segue.
E devemos deixar de manter o consumo. De sermos números.
E voltarmos a sermos gente.
Nossa sociedade as pessoas eu e você devemos deixar de ser farsescos.
E desmitificar este absurdo social em que vivemos. Estamos vivendo numa sociedade doente.
Deixemos de ser consumo. Somos gente que ama, sente, ama.
Apenas gente.

JOKA


Nenhum comentário: