Seguidores

quarta-feira, 16 de outubro de 2013

João Carlos Faria

Para mantermos o consumo

Molhado dia molhado.
Velhas noticias novas nos jornais.
E a vontade.
E o fazer.
E a critica sempre a critica.
Mercado e seus pasteis.
Seus doces.
E que mania de três pontinhos para enfeitar um texto.
Poderia eu escrever sobre o mercado no caso a economia.
Mas o que dizer da economia.
Se não economizamos.
Nem formamos capital.
E ai sempre vendemos nossa precária mão de obra.
Sub utilizada.
Pouco valorizada.
Para manter o consumo.
Molhado dia molhado.
E sempre sonhamos com dias melhores.
Mas tudo sempre igual.
Velhas noticias novas nos jornais.
Ônibus lotados.
Salário baixo.
E nunca nos fazemos ousados.
Nunca empreendedores.
Chega dia molhado.
Roupas atras da geladeira nunca pode.
Sonhar com algo novo pode.
Pés no chão para construir novas idéias.
Molhado dia molhado.
Que nossas vidas gere ações.

Joka


Nenhum comentário: