Seguidores

terça-feira, 30 de julho de 2013

JOKA

Deixemos de ser trabalhadores … sejamos empreendedores ...

A crueldade de viver num pais chamado Brasil. Vivemos num pais onde a especulação imobiliária é alta. As pessoas não tem direito a moradia de qualidade em Belo Horizonte famílias e mais famílias acampam em frente a prefeitura. Nas grandes cidades projetos de boa intenção como Minha Casa Minha Vida inflacionaram o preço de imoveis. E as famílias são jogadas para as periferias dos grandes centros.
E ai nada muda o transporte é caro. Nas periferias as escolas estão precárias. Uma adutora estourou
na periferia do Rio de Janeiro cidade onde temos grandes obras para a Copa e Olimpíada e as pessoas morando em grandes favelas onde o trafico da as cartas. Sem nenhuma estrutura básica decente nestas comunidades.
Geralmente pensamos em parar de escrever de usar redes sociais mas estar em silencio me parece ser conivente com este estado de coisas.
A corrupção no poder público é alta. E tudo esta tranquilo novamente depois das ondas de protesto em junho.
Um novo movimento social não se constrói sinto MUITO não sabemos nos organizar e perpetuamos esta maneira individualista e capitalista de viver.
Estes jovens se dizem anarquistas? Mas cade a construção de cooperativas. Ou uma nova proposta de nos organizarmos economicamente?
Será que as empresas de transporte não poderiam ser coletivas dos trabalhadores em forma de cooperativas?
Não se pode ter construtoras em forma de cooperativas? Ser trabalhador não nos leva a lugar nenhum. Precisamos criar uma economia de forma empreendedora.
Temos que deixar de sermos coniventes com este sistema em que vivemos concordo com o filósofo
Pondé em parte. Devemos ler de Adam Smith a Marx. Devemos refletir nesta geração que consroi programas comunitários com LINUX. Não se abole a economia , mas pode se criar alternativas econômicas a esta sórdida maneira capitalista de viver.
Não se deseja que empresas jornalisticas fechem as portas mas desejamos que empresas comunitárias de comunicação nasçam.
O Brasil não precisa copiar Cuba, Venezuela ou Estados Unidos como Darcy Ribeiro sempre falava podemos construir uma grande nação tropical.
Criar novas alternativas econômicas e sociais. Precisamos de uma reforma em nossas cabeças em nossa maneiras de ver e fazer politica. Se não adiantará em nada criar partidos ou fazer a reforma politica.
Temos uma bela constituição e temos uma nação?
Realmente temos amor por nossa comunidade? Por nosso pais ?
O novo precisa nascer mas precisamos nos reeducar. Precisamos rever nossos conceitos.
Chegar de sermos um pais de gente individualista. Chega desta vaidade em sites de relacionamento. Afinal ninguém lé ninguém e todos se aplaudem , mas não se percebem. Todos falamos e ninguém dialoga.
Estamos sós. Precisamos estar juntos. Ou como canta Chico Buarque vamos ficar vendo a banda passar … E o Papa passear …
Agora é a hora de reais mudanças ou continuaremos a tagarelar nas redes sociais …


João Carlos Faria

Nenhum comentário: