Seguidores

segunda-feira, 18 de março de 2013


JOKA

Com o gozo do café tomado ...

Um canário amarelo que sempre esteve na arvore de meu quintal. Sempre cantava. Simplesmente parou de cantar. Agora fica pelos galhos todo triste. Tão belo cantate ele sempre foi. Espero que volte a cantar. E traga a vida a meu quintal. Meu cachorro nestes dias glaciais de verão anda encolhido. Quando vou ao mar. Não encontro sereias sei que existem mas não encontro. Andei por ai, por ali. E não as vi. Quantas vezes você já viu sereias? Elas não são lendas são reais. Nunca estivemos sós. De vez em quando me recordo de minha aventuras pela Grécia. Vi quando ele trouxe nós o fogo. Que tanto precisamos nestes dias recordo de muitas coisas. A solidão as vezes é boa. Ainda mais em dias frios, quando acertamos ao fazer café. E comemos pães de dias anteriores. E vemos alguém caprichar na comida que compramos. É precisamos aprender a cozinhar. Deve ser algo muito prazeroso. A vida se faz curta e longa. Nesta tarde fria embaixo de uma coberta liguei para um amigo. Que dava naquele momento uma entrevista sobre suas impressões sobre a morte tão certeira para todos nós. Já escrevi tanto sobre a morte. Já planejei e nunca sabemos como será. Têm poesia na morte. Deve haver. Mas quero saborear a vida. Como o gosto do café tomado em minha boca. Não ouso escovar os dentes. Pensei em mudar a frase para o gozo do café tomado. Pois tomar café é prazer. Ainda mais para nós mineiros. Mas hoje não fiz visita. É tão gostoso ser recebido por qualquer família Caipira. Pois quando referem-se ao jeito mineiro de ser acho que se refere m ao jeito caipira de ser . Pois aqui no Vale do Paraíba somos gostosamente caipiras. Matutos do sertão. Desconfiados porem receptivos. Coisas das culturas regionais do Brasil. Quando viaja de caminhão Brasil afora era um grande prazer. Num caminhão sem cinto de segurança. Onde o motorista de vez em quando dormia ao volante. Mas ver a Bahia com olhos de trabalhador. Fazia as vezes de ajudante era um prazer que não sei se viverei mais. Não tenho esta ousadia de tirar carta e comprar um caminhão e sair por nosso sertão. O Brasil é formidável. Somos um povo na essência conservador. Mas um pais divertido pelo povo e pela geografia. Tá certo que nunca sai deste pais. Mas um dia quem sabe. Hoje via um programa de TV sobre poesia com nossa Adriana Calcanhoto e fiz até um poema. Ando a querer criar poemas viscerais. Motivados pela poesia concreta e as artes plasticas. E para os fundadores do movimento concreto a poesia não tinha fronteiras. Eles pensaram isto tudo antes das infinitas possibilidades da internet? Que genialidade. E nós hoje com tantas ferramentas nada fazemos se bem que começo a aprender a consertar meu computador. Como bem cantou Raul Seixas. Concertei vitrolas para ouvir músicas. Aventurar a aprender a fazer site será um prazer. Mas insisto em trabalhar em equipe é algo mais saboroso poder compartilhar conhecimento. Sozinho no máximo um poema,cronica, romance. Para cinema prefiro em equipe. Sei que nunca é fácil. Mas a vida é fácil? E a morte deve ser algo bem traumático. Epa aquele passarinho da arvore começou a cantar. Na verdade é um canário em uma gaiola. Que não ouso soltar. Grande covardia esta minha. Mas viver é um ato de fé, amor e ousadia. Mas a prudencia também é necessária. Afinal sou caipira,mineiro, paulista do Vale do Paraíba. Aqui somos naturalmente conservadores. É difícil ver ousadia por aqui. Não somos o Rio de Janeiro, Bahia, somos paulistas, mineiros caipiras. Quem sabe nossa poética esta em ser o que somos. Antes esbravejava tentava criar as novas vanguardas. Não esquecendo que os criadores da poesia concreta são paulistas? Não esquecendo que Oswald de Andrade. Mario de Andrade também são paulista e criaram a Semana de Arte Moderna. Mas o que acontece neste exato momento no Brasil e no mundo? Que transforma a arte, politica, filosofia, economia. Que pode mudar o jeito do ser humano lidar com o mundo. Estamos hoje para transformarmos este hoje. Não sejamos pequenos sejamos vanguarda. Quem ousará trazer nos o fogo?

JOKA

João Carlos Faria                          

Um comentário:

Anônimo disse...

Published magnificent ad! I seriously experienced browsing the application, tonsil stone that you're an ideal artice writer.I most certainly will don't forget to save your items your blog Satellite direct and will eventually commonly returning when you need it. I'd like to motivate people proceed your current good threads, possess a nice holiday getaway penis advantage review week end!