Seguidores

sábado, 23 de março de 2013


JOKA

Acaso

Edu Planchez ...
O mágico, das palavras de frutos de cristais Doirados ...
Nas manhãs de outono.
Poeta, escriba dos loucos séculos ...
Insano nas verdades poéticas.
Bardo dos séculos ...
Este é Edu que nos encanta ... Em cima de casas...
Nas pedras do apoador ... Na Mantiqueira buscando sementes
de flores ... Que nos fazem sair, por pouco tempo do reino da ilusão terrestre ...
Em suas doiradas pilulas poéticas ...
Irmão de Kaos ... Entre harmonia ...
Este é o escriba Edu ...
Insano, poeta. Criador de músicas ...
Entre a Mantiqueira ... E o Rio de Janeiro ...
O mágico das palavras de frutos de cristais Doirados ...
Não há poeta neste céu tupiniquim que deveria ficar sem ler as alegorias deste bardo...
Este é o insano Edu Planchez ...
Viajante de estrelas que nos traz o fogo da poética ... Que nos traz a cor em dias nublados ... Com sua escrita DOIRADA ...

JOKA

João Carlos Faria

Nenhum comentário: