Seguidores

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013


JOKA

Camoês que nos traz a língua ...

Cá estou eu a ler Camoês …
Desejando amores tardios …
As luzes do século vinte e um.
Lendo os belos escritos.
De um mundo que ficou.
Mas o Coração de Camoês nos alcançou.
Trouxe nós a tão maltratada Linguá Portuguesa.
Em época de Fanke rasgado.
Hó língua viva que se faz viva.
Sobreviverá a nosso desconhecimento.
Hó luta inglória por conhecer nossa amada língua.
Merece ser tratada como a mais bela Helena.
Que troia fez sucumbir.
Quem são poetas hoje que não dominam a bela língua
de Camoês.
Que nos chega hoje …
Ó virgem nua … Que atravessou mares … Que adentrou em
águas bravias …
Para se fazer a nação Brasil ...

JOKA

João Carlos Faria

Nenhum comentário: