Seguidores

domingo, 15 de janeiro de 2012


JOKA

Que venha Dom Sebastião

Era em Portugal. Um jovem Rei que se lançou a guerra e se perdeu em batalha e muitos séculos se passaram ninguém sabe de Dom Sebastião?  Uma nação tropical se fez. Chamada Brasil e Dom Sebastião temível cavaleiro. Esta ai. Quem sabe sempre a onde a injustiça reina ele esta lá. Dom Sebastião. Eu vi num certo lugar chamado Pinheiro muito jovens se preparando para um injusto combate, armados de bambu, foices e martelos. Sitiados pela ganância da especulação imobiliária. Fruto do velho capitalismo sempre em ruínas. Qual é o direito do ser humano? Morar, estudar, trabalhar, viver com dignidade?  E isto tenta ser roubado destes e de milhares de brasileiros. Mais triste é ver uma população mudibriada pela ilusão de consumo e achar que ter é mais importante que ser. E triste ver o povo se deixar ser jogado contra o povo. Acreditam numa fila? O que é uma fila? É uma ilusão burocrática de governos que nada querem resolver. Pois dinheiro neste  pais não falta. Só falta é acabar com as espertezas dos que administram os recursos que são públicos. E os jovens se armam. Para combater um combate? Quiçá não se combata. É a vida que vale menos que um pedaço de chão. Enquanto quem trama tudo esta num conforto. E na tranqüilidade. Quem de fato decide não tem coração? Mas que coração tem eles? Dono da decisão na frieza da burocracia? As leis devem existir para proteger o cidadão comum e não os que detém um poderio econômico. Invocamos Dom Sebastião para que venha defender o exercito do Pinheirinho. Para que esteja lá em espírito orientando esta juventude. A justiça será feita sem que haja derramamento  de sangue? Aguardemos o desfecho? Que venha Dom Sebastião.

JOKA
joão carlos faria
  

Nenhum comentário: