Seguidores

domingo, 16 de outubro de 2011


JOKA

A primavera Joseense ...

Há clichês que são sempre gostosos de citar e nossa escrita no ponto de vista estético não traz tanta novidade. Pelo jeito nunca ganharei premio algum ou terei livro publicado por alguma editora de porte. O importante é a vida é esta chuva e este frio primaveril é clichê ,mas DEUS em nossa boca talvez o seja. Tudo acontece e não acontece. Dei um tiro e errei o alvo num texto anterior onde citei o SESC  mas foi bom gerou um bom dialogo com alguém como esta internet deve gerar. Não cuspo em prato que como o SESC salva a cultura destes pais. Algo que não vemos de nosso sofrido Ministério da Cultura. Minha cidade no caso São José dos Campos tanto na situação como na oposição carece de lideranças. Parece que nos agentes políticos somos destituídos de cérebro. Nossos ativistas vivem a dormir e montar estratégias ultrapassadas. Gerando um falso embate entre a direita e a esquerda onde os lobos sempre se dão bem. E nos das bases sociais sempre quebramos a cara. E a eleição em 2012. Vai ter este viés morno e seremos todos vomitados vencendo situação ou oposição. E enquanto a população sofre com seus lotes consirederados irregulares e portanto não cria uma infraestrutura adequada nas periferias. Um transporte de ônibus caro e ineficiente. Uma educação sem nenhum apoio aos professores e aos alunos. Com uma visão míope do que é empreendedorismo. Enfim uma cidade rica e pobre ao mesmo tempo. Onde não se constrói uma oposição que haja de forma inteligente e que arranque avanços sociais para nossa infeliz comunidade que se acha membros de uma classe média. Que não tem nenhum conhecimento para se interpretar e exigir direitos. O 156 serviço da prefeitura para ouvir o cidadão na verdade  é uma estrutura para discupite e nos dá informações oficilialoides que nada nos acrescenta. Temos uma Câmara de Vereadores atrelada aos desmandos da administração Eduardo Cury. Vereadores que de lideres não tem nada. São ótimos para conseguirem votos e se elegerem. Mas acéfalos não sabem pensar por si mesmo. Refletir a cidade e suas necessidades. Servis a qualquer otário que esteja na cadeira de prefeito. São José com seus institutos que pensam a cidade e nunca propõem nada novo. E assim caminhamos para 2012 com Carlinhos de Almeida representando a oposição oficial versos algum candidato do PSDB. E nada novo no front. Cabe a comunidade que se diz pensante e eu desconfio muito que realmente conseguimos pensar algo além dos velhos clichês de esquerda ou de direita. Assim vivemos numa eterna São José adormecida. Que pode sempre vir a ser. Que se gaba do que já conquistou. Uma cidade extremamente consumista. Burocrática que não incentiva a arte, a cultura e o pensar. Do jeitinho que a direita que a administrou nos anos do regime militar a planejaram. Mas sempre se pode ter reação o mundo vive uma primavera e estes ventos chegarão a nossa amada São José dos Campos. Assim com este texto inauguro a nova cara do portal  Entrementes esforço pessoal de Elizabeth Souza e com muitos colaboradores e entre eles o web designer Paulo Chiachio da www.sitevale.com.br   assim tentamos colaborar para dar uma outra identidade ha cidade e ao nosso Vale do Paraíba. Contribuindo com uma ação política e humana para se criar um novo Brasil. Um pais que seja nação de verdade. Que construa homens e mulheres que sejam forjados numa ética que traga o novo. Que se baseie numa filosofia que construa um pensamento de avanços sociais,artístico. E não estes pais hoje consumistas. Baseado numa sociedade competitiva e  predatória que destrói os recursos naturais. Chega o novo se faz urgente construamos com uma consciência libertária e humana. Deixemos de sermos lobos do homem.  

JOKA
joão carlos faria
  

Nenhum comentário: