Seguidores

quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

A Terra toda é nossa...




Joca Faria



Perco-me em mim mesmo. Enquanto as gotas de chuva caem e a fome aperta. Mas tenho fome de mim mesmo nesta tarde que se inicia.

Leio o horóscopo que revela meu lado escuro. Minha escuridão se faz presente. Tenho sonhos de grande luxúria. Ontem assisti Sereias com Hugh Grant e Tara Fitzgerald um impressionante filme que se passa na Austrália desde que tive duas colopsitas penso em velas na Austrália vou pegar um foguete junto com Juracy Ribeiro e iremos á Austrália também posso ir a pé até o Chile e ir nadando até a Austrália a Terra toda é nossa.

Ao passar por uma banca vi Flavia Alessandra nua na Playboy e pensei que resistiria e não resisti. Abri as páginas da internet e a vi a nua em pelo. Preciso aprender a resistir a estes eus. Eliminalos dificilmente terei Flavia em minha cama então para que ver suas fotos.

Não tenho nada contra a nudez e sim como enxergamos a nudez. A tara que nunca será saciada. Eu gosto desta atriz que talvez nunca verei.

Tenho sonhos recorrentes em que sou ator e faço novelas na globo. Que grande bobagem tenho uma longa jornada espiritual a seguir e perco- me em tolas fantasias a vida é única.

Por estes dias penso em morar no Rio de Janeiro , mas sou muito covarde para isto. Ainda não está dentro de mim esta ousadia.

Não quero morar pela arte ou política quero ser mais um cidadão carioca por um tempo aquele cidade me encanta mesmo com todas as suas dificuldades.

Quero viver lá enquanto ela não é submersa pelas ÁGUAS DO ATLANTICO vou fazer um estágio em Caraguatatuba depois vou ao Rio a Bahia vou conhecer todo este planeta para enfim voltar ao meu Vale do Paraíba que amo tanto.

Sou Filho da Mantiqueira , mas já na maturidade devo conhecer o mundo. Que já bem conheço através de livros.

Quero viver as cidades Manaus, Paris, Nova York e tantas outras a desvendar e eu mais um idiota em São José dos Campos que para mim neste momento não me atrai.

Eu amo o mundo e estou plantado aqui eu não tenho raiz não sou árvore. Sou um ser humano cheio de medos e ousadias.

Terei de vencer os medos e saltar no abismo. Agora sou um pássaro.



João Carlos Faria

Editora Pasárgada

12 9113 54 17

jocafaria@yahoo.com.br

Nenhum comentário: