Seguidores

sexta-feira, 14 de novembro de 2008

Sem assunto?


Joca Faria



A crise começou com a inadimplência do setor de imóveis nos EUA, atingiu em cheio os bancos, varou fronteiras e está chegando à economia mundial. É aquela onde se situam as pessoas que produzem, comem, moram, vestem e criam seus filhos para a posteridade. E é aí, portanto, que mora todo o perigo.
Eliane Cantanhede jornalista
E isso ocorreu mais porque as residências retomadas se tornaram um pepino gigantesco para os bancos. Não porque eles tenham ficado sensíveis ao destino dos despejados.
Fernando Canzian
É meio perversa a minha curiosidade, mas queria saber o que ele pensa agora a respeito da cordialidade.
É difícil saber qual é o limite da bondade (e da maldade) humana.
Luiz Caos desdobramentos da crise tem sido cada vez mais surpreendente, e o quadro é extremamente indeterminado. Mas há também muito pânico e irracionalidade nesses movimentos.
Enfim, é mais uma crise da humanidade, com humanos em ação.
Fernando Canzian

É estamos em mais uma crise financeira talvez porque nós seres humanos estamos perdendo os valores ...Devíamos ter ouvido o profeta Gentileza mas não ouvimos será que aqueles banqueiros Americanos que expulsam as famílias Americanas de suas casas não têm um pouco de gentileza parecem que não são humanos. Será que políticos e empresários que corrupitos e que são conrompidos não sacam o mal que fazem a si próprio e a suas famílias além de prejudicar o próximo onde está nossos valores ?
É difícil não ter assunto para escrever todo santo dia que é o que tenho feito e refeito há anos ás vezes acontece de eu falhar de vez enquando. Estamos num poço sem fim como aqueles onde crianças e homens caem. Ou como minha sinusite que me faz estar sempre indo a um pronto socorro. Faz semanas que não sei o que é calor parece que sou um personagem de uma música dos Titãs o sorvete me deixou gripado pelo resto da vida.
O que nos seres humanos comum é corrente podemos fazer diante desta crise mundial.
Que voluntariamente contribuímos pelo nosso silencio, de fato ninguém não nos representa nesta sociedade de marketing pessoal.
Gente ta faltando homens e mulheres de verdade neste planeta.
Estamos atônitos a tantas dores e falta de humanidade neste inicio de século vinte e um.
Não conseguimos mais juntar cinco pessoas para defender um córrego que nós mesmos estamos matando.
Aceitamos ver mendigos nas calçadas e nada fazemos?
A violência e a corrupção estão dentro de nós mesmo assim como o amor também está e qual deles deixou manifestar?
Leiam os Jornais, vejam a TV e a Internet o artista plástico Paulo Lopes no começo deste século queria produzir um jornal de Boas Noticias e eu tento criar um jornal de literatura a mais de dez anos para continuar o projeto Litter e não conseguimos apoio no momento só preciso de um bom diagramador que seja um artista.
Mas vamos seguindo a inda bem que a Folha de São Paulo tem um ótimo time de colunistas a nos informar desconfiei de José Dirceu quando em 2002 atacou a imprensa no lançamento da candidatura de Carlinhos de Almeida em São José dos Campos infelizmente dito e feito perdemos um grande político. Ele tem qualidades e defeito e errou barbaramente. Não temos que julgar ninguém...
Vamos seres humanos mudar o rumo de nossa história.Nós seres normais podemos fazer algo para mudar o mundo temos ai o exemplos de Lula e Obama.
Vamos fazer nossa parte não vamos esperar que outros o façam...
No mais um forte abraço e um beijo a toda a humanidade.

João Carlos Faria
www.mundogaia.com.br
Literautura, filosofia e arte

Nenhum comentário: