Seguidores

segunda-feira, 3 de novembro de 2008

Homem de Saia ?


Joca Faria



O céu de primavera está lindo azul com belas nuvens brancas nesta manhã de novembro o sol ainda está meio tímido... Mas é questão de tempo, o pássaro canta dentro de sua gaiola.
Já li algumas noticias do dia... E agora para a desilusão de muitos e alegria de poucos escrevo...
Já foi o tempo que lia muitos livros agora que adentrei ao universo virtual. Sobra-me pouco tempo para ler em livros. Mas irei corrigir este defeito hiper moderno e voltarei a páginas amareladas de velhos livros. Que se empoeiram em minha estante... Ler é algo prazeroso leio muitas crônicas e ensaios de mais variados autores na internet.
O gostoso é receber bons poemas e ás vezes também os ruins sempre se tiram algo de uma leitura atenta.
Hoje é uma segunda-feira para mim ainda tranqüila já atendi muitas ligações. Um dia compro uma chácara num pedaço da Serra da Mantiqueira e só mantenho ligada a caixa-postal do telefone para eu não precisar atender.
Não gosto nem um pouco de telefone não me causa nem uma simpatia e nem dó MSN prefiro email e o bom e velho scrap do Orkut...Já me conecto muito para me informar. Telefone só para emergência vou até acabar comprando um celular só para receber recados dizem que tem radiação ontem assisti ao Dr. Bactéria no Papo Vanguarda de Vinicius Val Verde mas para quem tem TOC não é bom ver uma entrevista desta sai para lá bactéria daqui a pouco preciso parar para lavar as mãos.
Uma ótima profissão para quem tem estes transtornos seria ser guarda o meu TOC está acabando já em fase final de tratamento.
Agora estou na fase de terapia também vi ontem no Papo uma entrevista com Carlos Alexandre Wuensche sobre a vida fora da Terra como sou estudante de esoterismo acredito plenamente em vida fora deste pequeno planeta que chamo de Gaia. Nunca vi um extraterrestre dizem por ai que sou um. Que mentira por falar em verdades ontem na Paraíba num programa da Record. Um homem andou de saia pela capital nordestina tomara que a moda pegue tenho duas saias que uso de vez enquanto em algum sarau.
Sou fã do artista plástico Flavio de Carvalho que nos anos cinqüenta desfilou pelas ruas de Sampa com uma saia e quase foi lixado. Hoje com toda a passagem pelos loucos anos sessenta ainda é novidade imaginem aquela época.
Ouço bronca de muita gente, mas não to nem ai para pessoas incultas o lance é ser original porque devemos manter algumas convenções to fora sou artista.
O duro mesmo é descobrir alguma forma de renda que valorize a originariedade no ano passado um homem foi barrado num shopping em Guará por andar descalço sempre temos que andar dentro de um padrão. Sorte dele que é de classe média um dono de pousada no sul de Minas e fez um maior aué e se fosse pobre iria preso e seria ridicularizado.
Neste mundo vale mais o quanto você tem do que você seja de alma e coração, mas um dia as coisas mudam assim esperamos.
Vou terminando esta crônica no mais uma boa semana a todos. O vento de primavera adentra pela janela sorrateiramente e o barulho de carros.
É primavera... O céu esta azul um beijo a todos.


João Carlos Faria

Mundo Gaia

Literatura, filosofia e arte

www.mundogaia.com.br

Nenhum comentário: