Seguidores

segunda-feira, 17 de setembro de 2007

X?

Joca Faria

Não sabemos o que viemos fazer, não foi nos dado um manual de como viver. Estamos aqui somos frutos do amor de um homem e de uma mulher...um dia fomos concebidos ...hoje estamos a buscar o essencial.
Mas que essência é esta que procuramos?...nunca sabemos não nos deixamos tocar temos medo de abraços...crianças numa experiência nasceram sem o cantato do tato...e acabaram morrendo...toco nosso sexo...beijo nossa boca...vivemos como se fosse nosso derradeiro dia...a cidade está fazia caminhamos pelas ruas em busca de ônibus que nunca passam...a pressa a vida e a morte ao nosso lado... aviões explodem na África...a borboleta dança na floresta...desço em frente minha casa vestindo uma saia escocesa às 8 horas da manhã do dia 16 de Setembro de 2007 em plena manhã de setembro...dormimos felizes sentimos cumprir nossa missão planetária...não temos tesão...temos toda energia sexual concentrada em nos...
Morro a cada segundo e renasço no começo da primavera...
Leio jornais na madrugada ao som de um filme...fico atrás da tela ao terminar o filme saio gritando poesia poesia poesia...abre-se a dimensão adentramos em sonhos acordados agora somos poetas atletas, poetas cantores, poetas profetas...somos um grande corpo uma só mente na madrugada Joseense, Santana em festa...dorme em silencio enquanto seu teatro explode em tesão é Festivale...
Tudo se festeja num café com pão , café com pão......... jovens, adultos e velhos divertem-se neste nascer do dia...todos são um e um é todos....
Eis nos Deuses por um momento...além de nossa tosca compreensão além de nossa normal mediocridade...somos seres humanos por um só momento...quem sabe um dia entremos num portal e não mais voltaremos.......


João Carlos Faria

www.cidadedaspalavras.com.br

Nenhum comentário: