Seguidores

segunda-feira, 24 de setembro de 2007

Vestido...

Joca Faria

Cá estou a não ver navios...a cidade acorda todos despertos? Ou dispersos? Vejo lindas mulheres vestindo saias coloridas...Clarisse Guimarães escreveu-me dias destes dizia na carta que nua estava...num colchão e tocava seu sexo em brasa...Perguntei a ela e daí? Respondeu gentilmente que sou ridículo...pois não se pode falar dos desejos..? Que sou careta e repressor...travestido de poeta pornográfico...não dei bola ela falava do tesão em estar viva...ela saiu vestida de um vestido florido que acabara de comprar...no e-mail continha vários poemas de amor, daqueles que não tenho capacidade de escrever, pois nunca amei ninguém...Clarisse falou que não sei nem o que é um toque...que minto ao dize me liberado que no fundo seja um Católico Romano disfarçando-se de gnostico... Não concordo com ela...sou sim liberto e libertário....qualquer hora desta compro um sitio no Turvo ou no Taquari e vou criar porcos e galinha...não suporto mais esta modernidade que é morar na Vila Industrial...
Já tenho saudade das oficinas de teatro...tenho saudades das mãos de Ana a tocar-me...tenho saudades das mãos que ainda não encontrarão meu corpo....sinto desejos...tenho vontade de devorar a alma alheia...ontem Clarisse disse –me que comprou uma calcinha verde daquelas vindas da China e vestiu-se e andou pela casa e fez muitas fotos e que as enviou para um site de nudez...Clarisse nunca tem medo de ser ela mesma...escreve poemas...faz natação...já fez faculdade...vive só e bem acompanhada...
Diz que sou um idiota e que devo arrumar um serviço de verdade, mas o que é verdade...não quero saber de bater cartão, de cortar carne em açougues...quero sim ser um produtor cultural...ganhar meu sustento através do terceiro setor...não depender de patrão...ela me chama de vagabundo...mas vagabunda e ela que dá só por excitação e nunca por amor...devo encerrar este texto tenho um curso de semiótica...preciso de uma reciclagem vou me indo outro dia falo mais da bela Clarisse....
Beijos insanos e sacerdotaisss.....entizááá.....

João Carlos Faria

www.cidadedaspalavras.com.br

Nenhum comentário: