Seguidores

terça-feira, 12 de junho de 2007

ए प्रेसिसो सबेर viver

E preciso saber viver...

Joca Faria


Manhã de sol num outono de maravilhas, a menina sorri diante do novo brinquedo.
Crianças são felizes porque são crianças. Ainda não tem tolas preocupações.
Enquanto nos adultos sempre estamos preocupados com o porvir e esquecemos o presente. Temos que viver o momento.
Ontem minha sarcedotiza fez sexo comigo na beira da escada, foi maravilhoso fizemos amor pela tarde inteira num silencio outonal.
Ela desfilava nua ...enquanto eu cantava canções do Legião Urbana.. Com meu violão.
Ai fazíamos um amor delicado...E hora vamos juntos para as Deusas nosso amor e intenso...
As vezes nos esquecemos do mundo toca-se a campainha o telefone e estamos em nossa casa a namorar. Transar na escada é uma coisa diferente...As vezes vamos para o quintal e fazemos amor. Em cima de um pé de jabuticaba.
Umas abelhas nos picam e daí? Tudo faz parte de nosso pequeno mundo.
Ainda não temos filhos. Uma hora acontece. Dias deste a possui na pia ela virada escovando os dentes e eu teso de paixão.
Manhã de sol num outono de maravilhas, ela sorri e caminhamos pela praça central de nossa cidade.
Vemos muitos amigos, comemos em restaurante populares e pegamos um ônibus direto para uma cachoeira onde fazemos um delicioso sexo. Por entre pedras e águas.
E assim nossa vida muito amor e sexo e poucas preocupações. Agente se vira como dá um trabalho aqui e outro ali e no meio um amor intenso.
Antes eu era um sisudo executivo de uma multinacional e ela uma psicóloga de agencia de empregos, chutamos tudo e agora somos livres desta loucura chamada sociedade moderna.
Não mais queremos ter e sim buscamos no sexo nossa libertação.
A tantras oportunidades nos esperando nesta limitada terceira dimensão.
Vou-me indo preciso fazer amor.

João Carlos Faria


-- João Carlos Fariawww.cidadedaspalavras.com.br www.vejosaojose.com.brJoca Faria

Nenhum comentário: