Seguidores

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2006

Alem da janela

Joca Faria

Noite de um verão, noite estranha noite ouço Roberto Carlos alem de minha janela.
O que a alem de minha janela? Que mundo e este que nos cerca que mistérios a em viver?
Viver respirar. Estar neste Planeta Terra num espaço vazio. Quem são os Deuses que nos protegem nos guiam?
Que nos conduzem pelas Estrelas as vezes nos esquecemos que estamos viajando no ABISMO.
Estamos circulando vivemos em Mãe GAIA.
Noite ao longe ouço Raul Seixas viajo com as musicas destes compositores.
Onde estamos, quero viajar atravessar Portais vivenciar as dimensões sem nenhum medo.
Quero sair em astral descobrir meu real ser.
Simplesmente saber quem de fato sou.
Vou alem da Janela, vou alem da janela.
Sou um pássaro a voar sobre o abismo.
Estou a seis passos de um abismo.
Quem sou? quem não sou? Onde esta a real realidade?
Sou um pássaro a voar a ir alem de minha janela.
Leio fervorosamente o livro A terceira Visão de Lobsang Rampa.
E caminho com ele pelo TIBET não sou um Deus, sou um homem
tentando voar ALEM DE MINHA JANELA.
João Carlos Faria

Um comentário:

Rynaldo Papoy disse...

Lido. Gostei.